Connect with us

Novo Brasil Online

Recorde! Safra de grãos no Brasil chega a 257,8 milhões de toneladas.

ECONOMIA

Recorde! Safra de grãos no Brasil chega a 257,8 milhões de toneladas.

O re­gistro his­tó­rico de 257,8 mi­lhões de to­ne­ladas, tendo à frente a soja, o milho e o al­godão. Esse vo­lume é 4,5% ou 11 mi­lhões de to­ne­ladas su­pe­rior ao da safra pas­sada. A in­for­mação é da úl­tima atu­a­li­zação deste ano-safra, di­vul­gada nesta quinta-feira (10), no 12º Le­van­ta­mento de Grãos re­a­li­zado pela Com­pa­nhia Na­ci­onal de Abas­te­ci­mento (Conab).

A alta pro­dução deve-se ao au­mento de 4,2% na área plan­tada, aliado ao ganho de 0,3% na pro­du­ti­vi­dade. Faltam ainda os re­sul­tados das cul­turas de in­verno, prin­ci­pal­mente o trigo, que passam por etapas que vão da fase ve­ge­ta­tiva à fi­na­li­zação de co­lheita. Também contam para essa con­so­li­dação as cul­turas da re­gião de Se­alba (Ser­gipe, Ala­goas e nor­deste da Bahia).

A soja, que faz do país no o maior pro­dutor mun­dial, ga­rante um novo re­corde com a pro­dução es­ti­mada em 124,8 mi­lhões de to­ne­ladas e ganho de 4,3% em re­lação à safra 2018/​19. Também o milho total ca­minha para si­tu­ação se­me­lhante, che­gando a mais de 102 mi­lhões de to­ne­ladas, de­pen­dendo ainda das la­vouras cul­ti­vadas na re­gião de Se­alba, além de Per­nam­buco e Ro­raima. A par­ti­ci­pação desses es­tados é de algo pró­ximo a 1,7% no con­so­li­dado na­ci­onal. A pri­meira safra já foi co­lhida e a se­gunda está em fi­na­li­zação.

Já com o arroz fica o re­gistro pro­du­tivo de 11,2 mi­lhões de to­ne­ladas e cres­ci­mento de 6,7% em re­lação à úl­tima safra. Com co­lheita pra­ti­ca­mente fi­na­li­zada, 10,3 mi­lhões de to­ne­ladas estão em áreas de cul­tivo ir­ri­gado e cerca de 900 mil to­ne­ladas em plantio de se­queiro.  No caso do feijão, a es­ti­ma­tiva de pro­dução total é de 3,23 mi­lhões de to­ne­ladas, prin­ci­pal­mente do feijão-comum cores, com au­mento de 6,4% ao ob­tido em 2018/​19. A pri­meira e a se­gunda sa­fras já estão en­cer­radas.

As cul­turas de in­verno (aveia, ca­nola, cen­teio, ce­vada trigo e tri­ti­cale) devem al­cançar cres­ci­mento de 11,6% na área de cul­tivo, com des­taque para o trigo, que apre­senta ex­pansão de 14,1%, si­tu­ando-se em 2,33 mi­lhões de hec­tares e, pro­dução, de­pen­dendo do com­por­ta­mento cli­má­tico, de 6,8 mi­lhões de to­ne­ladas.

Comentários
Continuar Lendo
Advertisement
Recomendamos para você..
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais em ECONOMIA

To Top