Connect with us

Novo Brasil Online

Procuradores encurralam David Alcolumbre, por engavetar 98% das ações penais

GOVERNO

Procuradores encurralam David Alcolumbre, por engavetar 98% das ações penais

“Crime cometido por funcionário público quando, indevidamente, este retarda ou deixa de praticar ato de ofício, ou pratica-o contra disposição legal expressa, visando a satisfazer interesse pessoal.” Essa é uma das definições vindas do dicionário para o verbete “prevaricação”. E, para a Associação Nacional de Membros do Ministério Público Pró-Sociedade, o presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), pode ter cometido esse tipo de crime.

Com essa suspeita, a associação, formada por promotores e procuradores, enviou à Procuradoria-Geral da República (PGR) representação contra Alcolumbre. No documento, a entidade pede a instauração de investigação criminal sobre o parlamentar. De acordo com o grupo, há indícios de que o presidente do Senado prevaricou ao não colocar para votação do plenário da Casa pedidos de impeachment contra ministros do Supremo Tribunal Federal (STF). A prevaricação também teria ocorrido ao ter o parlamentar ignorado pedido de urgência para análise do fim do voto secreto para a eleição do presidente do Senado e de comissões temáticas da Casa.

“Não nos atende. É omisso há muito tempo”

Continua depois da publicidade
Ex-aliado de Alcolumbre, o senador Lasier Martins (Podemos-RS) falou da situação ao participar da edição de hoje de Os Pingos nos Is, programa da rádio Jovem Pan que conta com a participação de Augusto Nunes e Guilherme Fiuza, colunistas da Revista Oeste. “[O Alcolumbre] não nos atende. É omisso há muito tempo”, lamentou o congressista, que reforçou o interesse do integrante do DEM em tentar se reeleger para a presidência do Senado apesar de a Constituição Federal não o permitir.

Punição
O crime de prevaricação prevê punição de três meses a um ano de prisão. Entretanto, há projeto de lei que defende o aumento do tempo em cadeia. Nesse sentido, a senadora Leila Barros (PSD-DF) apresentou proposta na última semana. Ela pede que a punição passe, assim, a ser de um a três anos de detenção.

Comentários
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais em GOVERNO

To Top